FAQ

Perguntas Frequentes

Cape Town, South Africa
Geral

Quem faz parte da equipe de Reinventing Cities ?

A competição Reinventing Cities foi iniciada pelo Grupo C40 de Grandes Cidades para Liderança do Clima, com as seguintes 16 cidades pioneiras:  Auckland, Cidade do Cabo, Chicago, Houston, Madrid, Milão, Cidade do México, Montreal, Oslo, Paris, Portland, Reykjavik, Rio de Janeiro, Salvador, São Francisco e Vancouver.
 
A iniciativa só é possível graças ao apoio de Climate KIC e Ofo. 

Para executar este programa e oferecer um melhor apoio às cidades participantes, o C40 conta com a ajuda de um consórcio composto por Algoé Consultants, Carbon Trust, Carbon 4 e TU Berlin, e com o apoio de Bloomberg Associates.

O que é C40?

O C40 conecta mais de 90 das maiores cidades do mundo, representando mais de 650 milhões de pessoas e um terço da economia mundial. Criado e liderado por cidades, o C40 está focado em tratar a questão da mudança climática e promover ações urbanas que reduzam as emissões de gases do efeito estufa e os riscos climáticos, ao mesmo tempo que promovam o aumento das oportunidades de saúde, bem-estar e econômica dos cidadãos urbanos. A Prefeita de Paris, Anne Hidalgo, ocupa atualmente a presidência do C40 e Michael R. Bloomberg, ex-prefeito da Cidade de Nova York, exerce o cargo de Presidente do Conselho. O trabalho do C40 é viabilizado por nossos três financiadores estratégicos: Bloomberg Philanthropies, Children’s Investment Fund Foundation (CIFF) e Realdania. Para saber mais sobre o trabalho do C40 e nossas cidades, acesso www.c40.org, siga-nos no Twitter @c40cities ou no Instagram @c40cities e curta nossa página no Facebook em http://www.facebook.com/C40Cities. 

Qual é o objetivo de Reinventing Cities?

Reinventing Cities é uma competição criada pelo C40 para implementar as melhores ideias para transformar locais subutilizados em centelhas de sustentabilidade e resiliência e atuar como uma vitrine para futuros desenvolvimentos urbanos de zero carbono. 

Reinventing Cities tem como objetivo:
• ajudar a estimular a criação de políticas públicas para dar apoio às cidades descarbonizadas, sustentáveis, inteligentes e resilientes;
• utilizar terrenos públicos para catalisar a mudança e apoiar a implementação de novas ideias e inovações que podem ser executadas em escala global;
• promover ativamente a colaboração entre as cidades e o setor privado para a apresentação de novas abordagens com vistas à urbanização de baixo carbono.
• reduzir o impacto das emissões dos prédios. Os prédios respondem por 50% das emissões nas cidades do C40. Para cumprir o Acordo de Paris, as cidades precisam que os novos prédios sejam o mais próximo possível da emissão de zero carbono e os prédios existentes precisam de altos níveis de melhoria. 

Portanto, sua proposta deve abordar os principais componentes, como eficiência energética, resiliência, gestão da água, mobilidade, gestão de resíduos, materiais de construção sustentáveis. Sua equipe precisa tratar com criatividade tanto a forma quanto o conteúdo, e demonstrar que os desempenhos ambientais podem ser obtidos em uma combinação de arquitetura notável com benefícios à comunidade. 

O que faz de Reinventing Cities uma competição sem precedentes?

Além da "execução habitual dos negócios", Reinventing Cities tem como meta o redesenvolvimento orientado ao clima: os principais critérios de seleção dos projetos são a qualidade da solução proposta para permitir que a cidade e as comunidades locais catalisem a mudança para um desenvolvimento urbano descarbonizado, sustentável e resiliente.

Além de um convite para o compartilhamento de ideias, Reinventing Cities tem como meta a criação de projetos para a vida real. Ele promoverá uma transferência de propriedade (venda ou locação) para que as equipes vencedoras implementem seu projeto.

Além de um simples competição de design, Reinventing Cities tem como meta projetos holísticos com soluções inovadoras em termos de programa, novos serviços, design, metodologia de construção e financiamento.

Além das fronteiras, os projetos de Reinventing Cities ganharão visibilidade internacional. As melhores soluções resultantes da competição serão exibidas em todo o mundo na esperança de que sejam amplamente aceitas e adotadas. As equipes licitantes serão apresentadas como pioneiras, comprometidas, junto com os prefeitos, com o desenvolvimento de novos modelos de empreendimentos descarbonizados e com o combate à mudança climática.

Como se inscrever?

O processo de inscrição e conteúdo está descrito no Regulamento da competição. 

Você poderá manifestar interesse em um ou mais locais e fazer sua inscrição para a primeira fase (Manifestação de Interesse). 

A manifestação de interesse deve ser enviada em inglês e, se diferente, no idioma local. A manifestação de interesse deve ser enviada eletronicamente usando a guia " Envie um projeto", fornecida para esse fim na página do website dedicado ao site. Sua inscrição deve ser feita em inglês e em seu idioma local, exceto em norueguês (para Oslo) e em islandês (para Reykjavik).

O prazo para a apresentação da sua manifestação de interesse é 31 de maio de 2018. Não serão aceitas apresentações tardias ou outros envios.

Qual é a estrutura da competição e do processo de seleção? 

A competição será em 2 fases: 

Fase 1 é a "fase leve". Sua Manifestação de Interesse deve conter a descrição do projeto e as soluções para o redesenvolvimento do local, bem como a composição da equipe. 

Após o envio das manifestações de interesse, a Cidade contará com o apoio do C40 para a realização da análise técnica das manifestações de interesse, com base nos critérios de avaliação. Cada cidade convidará 3 equipes selecionadas para participar da fase final da competição, apresentando uma proposta. Para alguns locais específicos, o júri pode decidir selecionar mais equipes finalistas, no máximo 5.

Fase 2 é a fase das propostas finais: as equipes licitantes finalistas serão convidadas a apresentar suas propostas finais, inclusive os detalhes do projeto, a oferta financeira para compra ou locação do local e uma avaliação de carbono do projeto. O júri selecionará a equipe que, segundo sua avaliação, é a mais apropriada, que passará pelo crivo final da cidade a fim de determinar sua aprovação ou não. 

Como tomo conhecimento das regras e exigências específicas relacionadas a cada local? 

Além do Regulamento comum, existe um documento específico, chamado Requisitos Específicos Locais (SSR), fornecido para cada local. Nesse documento, cada cidade detalha as especificações para o redesenvolvimento do seu local e estabelece as regras e procedimentos locais (planejamento, procedimentos de licitação/compra, etc.). Você deve apresentar propostas que cumpram tanto os objetivos, critérios e requisitos detalhados no Regulamento comum quanto as especificações fornecidas no SSR. Note que, para alguns locais, é possível que haja regulamentos específicos. Nesse caso, esses regulamentos serão indicados claramente na página do site do local.

Além disso, você encontrará uma sala de dados para cada local, documentos com informações adicionais sobre o local e as normas e legislação específicas da cidade. Contudo, as informações fornecidas no SSR e na sala de dados podem não ser suficientes, sendo sua responsabilidade buscar informação sobre as regras aplicadas ao desenvolvimento do local. Se um projeto proposto não cumprir o planejamento local e nacional ou as regras de licitação, a inscrição poderá ser considerada inadmissível. 

Que desafios específicos meu projeto precisa abordar? 

Reinventing Cities tem como objetivo a elaboração de projetos descarbonizados, sustentáveis e resilientes que demonstram soluções inovadoras para o combate à mudança climática. São 10 desafios, agrupados em 3 temas: 

Os principais desafios para executar projetos bem-sucedidos livres de carbono são: 
  • Eficiência energética dos prédios e fornecimento de energia limpa
  • Gestão de materiais sustentáveis e economia circular
  • Mobilidade verde

Para ajudar na rápida transição rumo a uma cidade com clima seguro, próspera e sustentável, os projetos precisam abordar outros desafios essenciais além da descarbonização, incluindo:
  • Resiliência e adaptação
  • Novos serviços verdes para o local e para o bairro
  • Crescimento verde e cidades inteligentes
  • Gestão sustentável da água 
  • Biodiversidade, revegetação urbana e agricultura

Por fim, é essencial que haja uma combinação do desempenho ambiental com uma arquitetura e design urbano de alta qualidade, além de benefícios à comunidade, demonstrando que cidades compactas e sustentáveis também são habitáveis, divertidas e inclusivas:
  • Ações inclusivas e benefícios à comunidade
  • Arquitetura e design urbano inovadores 

Posso esperar qualquer remuneração financeira como membro de uma equipe licitante? 
Não haverá nenhuma remuneração fornecida às equipes, nem por parte do C40 nem por parte das cidades. No entanto, o representante da equipe é encorajado a pagar outros membros de sua equipe. Nesta fase 2, as cidades podem exigir dos representantes da equipe para explicar e justificar como os membros da equipe, e especificamente os arquitetos e os especialistas em meio ambiente, serão pagos pelo trabalho entregue durante a competição

Como posso tirar dúvidas sobre a competição?

O Regulamento da competição e as Perguntas Frequentes estão disponíveis na internet. Para obter mais informações sobre o processo geral, você pode entrar em contato conosco usando a caixa à direita. Para perguntas específicas sobre um local, fornecemos um endereço de e-mail em uma guia específica para cada local neste site.

E quanto à confidencialidade?
O Regulamento da competição especifica regras de confidencialidade. No decorrer desta iniciativa, o C40, as cidades participantes e os parceiros envolvidos na organização da competição concordam em garantir a confidencialidade estrita das propostas apresentadas pelas equipes do projeto.


Equipe

A composição da minha equipe é aberta ou deve ser composta por pessoas com qualificações específicas?

Cada equipe licitante deve incluir no mínimo uma pessoa responsável pelo design do projeto, como um arquiteto ou designer urbano, e um especialista ambiental. Com exceção disso, não existem regras obrigatórias sobre a composição da equipe. Você tem liberdade para escolher os membros de sua equipe. Contudo, a equipe deve ser composta por membros que possuam as competências relacionadas à natureza do seu projeto e às expectativas da competição Reinventing Cities. 

Além disso, estimulamos:
  • Equipes interdisciplinares: além de arquitetos, especialistas ambientais, investidores e empreiteiras, as equipes também podem incluir artistas, partes interessadas da comunidade, etc.
  • A inclusão, o quanto antes, dos operadores do local e os futuros usuários do local para a elaboração de um projeto concreto, personalizado e em linha com as necessidades locais (habitantes, etc.),
  • A combinação de conhecimento internacional e local. 

O papel e contribuição de cada membro, bem como a duração de seu envolvimento em cada fase do projeto (planejamento, implementação e outras fases operacionais) devem ser especificados na inscrição. 

Minha equipe pode ser chamada de interdisciplinar quando é composta por pessoas de diferentes áreas de competências e conhecimento, mas pertencentes a uma mesma empresa?

Sim, mas nesse caso, é necessário especificar a identidade, conhecimento e papel de cada pessoa da empresa envolvida no projeto.

Minha equipe precisa incluir um investidor ou outra empresa capaz de firmar um compromisso financeiro?

A viabilidade financeira do projeto, bem como a solidez jurídica e financeira da equipe fazem parte dos critérios de seleção. Assim sendo, os candidatos poderão fornecer qualquer tipo de documentação que melhore sua capacidade financeira de implementar o projeto proposto com sucesso. 

Durante a fase da proposta final, a viabilidade financeira do projeto e a solidez jurídica e financeira dos parceiros da equipe serão naturalmente cruciais para a seleção do projeto vencedor. As equipes finalistas deverão explicar os detalhes do modelo econômico e de negócios de seu projeto.

Existe um número máximo de empresas ou entidades jurídicas por equipe? 

Não, não existe limite. Contudo, cada equipe deve demonstrar a função e os compromissos de cada um de seus membros. A relevância da composição da equipe e a qualidade de sua organização serão naturalmente levadas em consideração.

Que tipo de entidade poderá participar da minha equipe?

A competição é aberta a qualquer participante capaz de propor e realizar projetos ambiciosos, inovadores e viáveis. Não importa se são do setor privado ou público, local ou estrangeiro, profissional ou não profissional, a competição Reinventing Cities está aberta a qualquer pessoa, independentemente de sua forma jurídica, inclusive grupos estrangeiros.

Os membros da minha equipe precisam ser afiliados a uma estrutura jurídica específica? 

Não, salvo especificação contrária no documento SSR. De modo geral, e salvo se específico a um local conforme mencionado no SSR, o Regulamento estipula que o arquivo do projeto deve ser apresentado por uma equipe de projeto, independentemente da estrutura jurídica. 

Uma empresa ou entidade jurídica pode fazer parte de várias equipes inscritas em locais diferentes?
Sim. As partes em questão devem, neste caso, comprometer-se a manter a confidencialidade estrita e garantir que a inscrição seja mantida no caso de vários projetos vencedores. 

Uma empresa ou entidade jurídica pode fazer parte de várias equipes inscritas em um mesmo local?

Sim, exceto o líder do projeto e o arquiteto (ou designer urbano) As partes em questão devem, neste caso, comprometer-se a manter a confidencialidade estrita e garantir que a inscrição seja mantida no caso de vários projetos vencedores. 

Como posso permitir que outras empresas fiquem sabendo que desejo participar ou criar uma equipe de projeto?

A página de Encontros do site permite que você se apresente e conheça outras empresas. Cada cidade pode planejar encontros “meet-up” no início de 2018. Os detalhes serão informados a você ao longo do processo na seção calendário na página Encontros.

Locais

É possível inscrever-se antes de visitar os locais?

Sim, a inscrição é independente da visita ao local. Os candidatos podem inscrever-se de acordo com as instruções fornecidas no Regulamento e no documento dos Requisitos Específicos do Local (SSR). Conduto, uma vez que a inscrição inclui informações sobre os objetivos do desenvolvimento e programa urbano, visitar o local pode ser importante aos candidatos. 

Posso ter liberdade na escolha do tipo de projeto para o local de meu interesse?

Por questões de princípio, o tipo de projeto é livre. No entanto, algumas cidades definiram diretrizes específicas para o redes envolvimento de seus locais. Essas informações estão detalhadas no SSR. Além disso, outros arquivos técnicos podem ser baixados no Dataroom dedicado a cada site.

Meu projeto proposto pode ignorar as ordens de planejamento e/ou os regulamentos específicos da cidade?

Os projetos devem cumprir os atuais documentos de planejamento das cidades bem como a legislação local em vigor, salvo se especificado no SSR que a cidade considera a mudança das regras (p.ex. rezonear o local). 

Como posso tirar dúvidas sobre o local?

Você pode encaminhar suas perguntas para o C40, para as cidades participantes e para os proprietários do local no botão "Perguntas" da página do local. As respostas serão compartilhadas com todos os licitantes quando a natureza das informações assim o permitir.


Fase 1 : manifestação de interesse

Como me torno candidato e manifesto meu interesse?

O primeiro passo é manifestar interesse em um ou mais locais, por meio do envio de um arquivo em conformidade com as exigências do Regulamento. Este envio é eletrônico por meio do botão "enviar um projeto" na página específica do local. As informações solicitadas devem demonstrar as vantagens do projeto bem como a seriedade e determinação dos líderes do projeto em propor um projeto inovador.

Que tópicos a Manifestação de Interesse deve abordar? 

Para cada local, sua equipe deve enviar uma Manifestação de Interesse incluindo:
• apresentação da equipe licitante e sua organização: os formulários específicos obrigatórios para anexar na forma de anexo estão disponíveis nas salas de dados dos locais (disponibilização em meados de Dezembro);
• descrição do projeto e soluções propostas para redesenvolvimento do local em relação aos 10 desafios ambientais identificados (veja abaixo). Aproximadamente 10 páginas no formato A4 (ou US-Letter) e, um quadro do tamanho A3 (ou Tabloid) com ilustrações simples (mas sem desenhos arquitetônicos);
• apresentação da estrutura jurídica e financeira do projeto. No máximo meia página escrita.

É possível que documentações mais específicas sejam solicitadas para alguns locais. Você deve consultar o documento dos Requisitos Específicos Locais (SSR) disponíveis na sala de dados do local.

A Manifestação de Interesse deve incluir uma oferta financeira?

Não neste estágio. A oferta financeira deverá ser incluída juntamente com a proposta final acompanhada do projeto detalhado. Na fase final, as equipes licitantes devem propor uma oferta financeira com base nos preços no valor de mercado no caso de transferência e valores de aluguel no caso de ocupação.

Como me inscrevo? 

Sua inscrição completa deve ser enviada eletronicamente usando a guia " Envie um projeto", fornecida para esse fim na página do website dedicado ao site. Deve ser feita em inglês e no idioma local oficial de sua cidade, exceto em norueguês (para Oslo) e em islandês (para Reykjavik).

Quais são os critérios de avaliação da Manifestação de Interesse? 

Para cada local, a Manifestação de Interesse será julgada e selecionada de acordo com os seguintes critérios:
• O conteúdo do projeto e as soluções propostas para abordar os 10 desafios identificados,
• A qualidade e adequabilidade da equipe, 
• A solidez jurídica e financeira da equipe

Observe que pode haver especificações adicionais a respeito desses critérios para alguns locais, que poderão estar definidas dentro de cada documento dos Requisitos Específicos Locais (SSR). Não há peso nos critérios de seleção, salvo menção em contrário no documento dos Requisitos Específicos Locais (SSR).

Posso ter liberdade de escolha da natureza da transferência dos direitos?

Quando o parceiro público não tiver especificado a natureza da transferência dos direitos, a equipe licitante deve propor uma estrutura jurídica de acordo com seu modelo econômico. 

Já para os locais que mencionam o tipo de transferência de direitos no SSR, tal determinação deve ser seguida.

O que acontece após a Manifestação de Interesse?

Após o envio das manifestações de interesse, a Cidade contará com o apoio do C40 para a realização da análise técnica das manifestações de interesse, com base nos critérios de avaliação. Cada cidade convidará 3 equipes selecionadas para participar da fase final da competição, apresentando uma proposta. Para alguns locais específicos, o júri pode decidir selecionar mais equipes finalistas, no máximo 5.

O Regulamento fornece diretrizes provisórias para a organização desta fase final. As equipes licitantes finalistas receberão um regulamento detalhado para a segunda fase da competição antes do início da fase final. 

Uma equipe pode retirar sua proposta?

As equipes poderão retirar suas propostas até o envio das propostas finais. O envio final da proposta também será considerado um compromisso da parte do representante da equipe licitante, por um período mínimo de dezoito meses a contar da data do prazo final para entrega das propostas.
Questions?

If you have a question or would like more details on the Reinventing Cities competition, please use the form below.
You will receive a response via email.

Sending datas

#Reinventingcities

  • Ayswap
    @ayswap
    21:29    12 / 12
    Today we were at #BVFClimate Conference at @Bloomberg with #Ayswap #c40 #women4climate #Sustainability https://t.co/PfOWDsYhY8
  • Genuine Cities
    @GenuineCities
    19:05    12 / 12
    Genuine Cities News is out! https://t.co/7MRZ8qk0GK - Don't see the paper/story you are expecting try the archive l… https://t.co/hLI3zsftmd
  • Fossil Free Berlin
    @DivestBerlin
    18:27    12 / 12
    YES! London‘s mayor is ready to #LeadOnClimate: “Ministers, stop dragging your feet and gambling with our future a… https://t.co/Wwu529lRnq